Bancas de revistas e jornais da capital sofrem com politica de remanejamento da Prefeitura

São Luís está passando por um processo bastante questionável de descaracterização de suas paisagens urbanas, recentemente tivemos a polêmica a cerca da campanha para a demolição do abrigo do Largo do Carmo. No momento a Prefeitura de São Luís está retirando as bancas de jornais dos espaços públicos da cidade. São Luís talvez seja a única capital brasileira a passar por esse processo, a alegação do poder público é que as bancas estariam atrapalhando a passagem dos pedestres exatamente no local onde estão, estranho pois muitas funcionam nesses locais há bastante tempo. 
Essa semana foi a vez das bancas que se localizavam no bairro do Renascença, segundo a secretária municipal de Comunicação Social um local ao lado da loja do McDonalds, será reservado para a colocação das bancas de revistas do bairro. O local faz parte do estacionamento do Shopping Monumental. 
Um grupo formado pela Associação dos Jornaleiros da Grande São Luís, tem realizado reuniões como forma de cobrar do poder público uma politica razoável visando a preservação da cultura do consumo de livros e jornais da capital.

Da redação.

TAG